sábado, 23 de fevereiro de 2013

Laranjina C

"A década de 60 foi um êxito. Toda a gente conhecia os filmes. O homem não tinha um minuto de descanso. Até uma cama ao lado do estirador havia. (...) Um filme de que se orgulhava muito era o da Laranjina C. Era o primeiro em Portugal em que as personagens falavam; neste caso, tocavam música. A acção baseava-se numa música e havia perfeito sincronismo entre ambas - uma receita que ele usaria muitas mais vezes."

Mário Jorge Neves recorda o pai, Mário Neves, em "Lx60 - A vida em Lisboa nunca mais foi a mesma"




E a propósito de Mário Neves, o Walt Disney das Avenidas Novas...




O primeiro "Vitinho" da TV portuguesa. A família é a Teleóó, criada em 1967 por Mário Neves, com letra de Alexandre O'Neill e música de Eugénio Pepe.

Sem comentários:

Publicar um comentário