segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

As favoritas da editora de fotografia - Parte II

E depois houve aqueles momentos em que a Ágata Xavier nos terá rogado algumas pragas. Imaginamos que lhe tenham passado pela cabeça perguntas do género, "Porque não escolhem eles estas fotos?", "Será que não percebem nada de fotografia?" ou indignações como, "Mas uma imagem vale mais que mil palavras!"

Aqui fica a segunda parte das favoritas da editora de fotografia: os instantâneos que nunca chegaram a entrar no livro. O texto é da própria.

- Tiro na Feira Popular



A Feira Popular mudou algumas vezes de sítio até abrir portas em Entrecampos. Esta imagem mostra um dos divertimentos possíveis: o tiro ao alvo. O olhar da mulher numa direcção e as espingardas que apontam no sentido contrário criam  uma tensão que transparece e toma conta de toda a cena.

- Ponte sobre o Tejo


Içar as estruturas pesadas da Ponte sobre o Tejo com os meios disponíveis era uma verdadeira prova de esforço e perícia. Na altura, existiam muitos concursos de construções com fósforos e a ponte era um dos temas mais representados. Sempre que olho para esta imagem imagino que o emaranhado de ferros não passa de uma dessas estruturas  de um desses concursos.

- TV na leitaria



A televisão era um luxo de poucos. As pessoas juntavam-se nas leitarias para assistir às notícias ou aos jogos de futebol. O comércio garantia assim o sustento e o convívio entre a vizinhança. Gosto sobretudo do contraste entre as pessoas alegres na primeira fila e os jovens sisudos que se sentam um pouco atrás.

- Concerto de Johnny Halliday



Jovens vestidas com tons escuros e cabelos eriçados com muita laca e secador dançam freneticamente ao som do muito aguardado concerto de Johnny Halliday. Nem sempre essa diversão é bem vista. Na foto, vemos a contenção dessa rebeldia por parte da polícia. Uma linha de agentes muito marcada que separa os espectadores do palco.


- Mini-golf nos Olivais


O bairro dos Olivais foi construído segundo os padrões modernos. Construções em altura e com todas as comodidades que garantiam uma vivência urbana agradável. Para além da piscina havia sauna pública e mini-golfe. Aqui vemos um casal que se diverte no novo bairro, uma imagem que poderíamos mais rapidamente associar a um subúrbio americano do que à realidade lisboeta.



Biografia


Chamo-me Ágata e moro em Lisboa com duas gatas e um bípede.


Sou licenciada em História de Arte - o mesmo é dizer que passei quatro anos numa sala às escuras cheia de gente vestida a ver gente despida projectada na parede. 

Durante três anos fui coordenadora da secção de fotografia de um jornal que não voa com o vento, oi. Actualmente, continuo a colaborar com o jornal tanto em texto como em imagem. Para além, disso escrevo textos comerciais para uma empresa americana e faço pesquisa e edição de fotografia para livros.


Portfólio
http://cargocollective.com/agataxavier

Sem comentários:

Publicar um comentário